Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content

Ribeirão Pires prorroga até dia 17 inscrições para eleição do COMADS

A eleição será realizada em 27 de abril, das 10h às 16h, em local a ser definido posteriormente

A Comissão Eleitoral do Conselho Municipal de Atenção à Diversidade Sexual (COMADS) prorrogou até as 17h do dia 17 de abril, quarta-feira, o período de inscrição de representantes da sociedade civil para o biênio 2024/2026.

O formulário para inscrição pode ser acessado pelo link https://bit.ly/InscricaoCOMADS2024. Caso a pessoa não tenha acesso à Internet poderá buscar auxílio na sede administrativa da Secretaria de Assistência, Participação e Inclusão Social (localizada à Rua Conde de Sarzedas, 333 – Jardim Pastoril) para realizar o cadastro. Para esclarecimento de dúvidas, a Comissão Eleitoral disponibiliza o WhatsApp (11) 97222-7164 (Liu).

Para se candidatar, os interessados deverão apresentar os seguintes documentos: comprovante de residência em Ribeirão Pires, documento oficial com foto e declaração de como se reconhece na comunidade. A lista dos pré-aprovados pela Comissão Eleitoral será disponibilizada em 8 de abril, na sede da secretaria e no blog do COMADS (https://comadsrpi.blogspot.com).

A eleição será realizada em 27 de abril, das 10h às 16h, em local a ser definido posteriormente. A contagem é pública, deverá ser iniciada logo após o encerramento do pleito e o resultado proclamado no mesmo dia. Para votar, os munícipes deverão levar documento original com foto e comprovante de residência (ou título de eleitor comprovando domicílio eleitoral na Estância).

Fica estipulada a cota de uma cadeira para cada uma das segmentações a seguir, desde que haja inscritos e recebam, cada um, no mínimo, 10% dos votos totais: transsexuais, lésbicas, gays, bissexuais e não-binários. Caso não haja inscritos ou não atinjam a porcentagem mínima, será considerada a classificação geral.

Estrutura – O Conselho Municipal de Atenção à Diversidade Sexual (COMADS), órgão colegiado, consultivo e deliberativo vinculado à Secretaria de Assistência, Participação e Inclusão Social (SPAIS), foi instituído pela Lei Municipal Nº 6109, de 1º de setembro de 2016. O objetivo do conselho é formular e propor políticas públicas que visem promover a cidadania e a defesa de direitos e contribuir para o combate à discriminação e à violência praticadas contra a população de lésbicas, gays, bissexuais, transsexuais e intersexuais.

Skip to content