Telefone: (11) 4828-9800

Horário de atendimento: de segunda a sexta das 8h às 17h

Professores de Ribeirão Pires visitam o projeto Condomel

Ação visa a conscientização ambiental e a preservação de espécies de abelhas nativas

A prefeitura de Ribeirão Pires realizou nesta terça-feira, dia 14, uma atividade de formação no Condomel, projeto da Secretaria de Meio Ambiente, Habitação e Desenvolvimento Urbano, que visa a preservação de abelhas nativas. Dois grupos de professores da Escola Municipal Palmira Antônio Pereira participaram da palestra, que foi ministrada pela equipe de Gestão Ambiental. 

Os professores da educação infantil (até seis anos) que participaram da atividade conheceram um pouco sobre cada uma das espécies do projeto, sendo elas: Jataí, Jataí-da-Terra, Mandaçaia, Mirim-Guaçu e Mirim-Droryana. Nenhuma delas possuem ferrão. 

“Ampliar este projeto, principalmente agora com as escolas, é fundamental para o nosso futuro. As crianças têm que conviver com a natureza e entender a importância dela para o planeta e nosso papel com a parceria da SECULT (Secretaria de Educação e Cultura) é levar este conhecimento para as próximas gerações”, destacou a secretária da pasta, Andreza Araújo.

Abelhas sem ferrão – De modo geral, vivem em ninhos organizados com três castas: a rainha, as operárias e os zangões. Os ninhos dessas abelhas sociais podem ser encontrados nos ocos de troncos de árvores, no chão ou muros.  Alimentam-se de néctar e pólen que trazem das flores, ao mesmo tempo que fazem o importante trabalho de polinização.

Destaque – O pioneirismo do projeto desenvolvido em Ribeirão Pires vem ganhando repercussão no Estado de São Paulo. Uma equipe de reportagem da TV Globo esteve na Estância para registrar esse trabalho durante o mês de fevereiro. A matéria está prevista para ser veiculada já neste mês de março, no programa Antena Paulista.