Defesa Civil resgatou aproximadamente 500 animais em Ribeirão Pires


Criado em 06/08/2015


Animais silvestres, peçonhentos e domésticos aparecem na lista de resgatados


A Defesa Civil da Estância Turística de Ribeirão Pires divulgou recentemente um balanço que revela que somente no primeiro semestre deste ano, cerca de 500 animais foram resgatados pela equipe da Defesa Civil no município.

Neste período foi realizado o resgate de saruês, cobras, aranhas, gatos, cervos, cachorros, escorpiões, cavalos, guaxinim, lagostim, abelhas e vespas. Vale ressaltar que em caso de animais venenosos é importante comunicar a Defesa Civil para que eles procedam de maneira correta e os encaminhem para o Butantã, para que sejam feitos soros, tais como o soro antiofídico.

Para o coordenador da Defesa Civil, Miguel Luis Filho, eles buscam estar a disposição da população em todas as circunstâncias. "O último resgate realizado foi de uma cadela no bairro Santa Luzia, onde o pedido para que fossemos até o local foi feito através da nossa página do facebook. Ela ainda está na Zoonose, mas já aparenta melhoras, está mais animada. Um integrante da equipe da Defesa está quase convencido à adotá-lá", contou.

A Defesa Civil de Ribeirão Pires, reforça que abandono e maus-tratos de animais é crime inafiançável, que leva a prisão por até um ano, previsto em lei, no Artigo 32 na Lei de Crimes Ambientais nº.9.605/98. “É considerado crime praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, doméstico ou domesticados, nativos ou exóticos”.

Em caso de denúncias ou solicitações, o telefone da Defesa Civil Municipal de Ribeirão Pires é 199 ou 4825-1830.