Prefeitura investe mais de R$ 27 milhões em obras espalhadas pela cidade


Criado em 19/05/2015

Diversas obras na cidade e outras 17 estão em processo de licitação

A Prefeitura de Ribeirão Pires iniciou diversas obras na cidade e outras 17 estão em processo de licitação. Em todas as licitações, a previsão de inicio é no segundo semestre deste ano.

Entre as obras iniciadas estão a pavimentação na rua Francisco Tometich, principal via de acesso ao bairro Jardim Valentina. A via tem cerca de 1,5 mil metros de extensão, conta com 3.500 habitantes e é utilizada como principal ligação entre a SP-122 (Rodovia Antônio Adib Chammas) com a SP-31 ( Rodovia Índio Tibiriçá). O pavimento é uma antiga reivindicação da população local.

O repasse de R$ 607.659,63 é de verba oriunda do Governo Federal. A previsão é que os serviços sejam concluídos em 60 dias. O prefeito Saulo Benevides (PMDB) lembrou que o aporte é em decorrência do trabalho de captação de recursos que ele faz desde o início do mandato. “Tenho ido à Brasília constantemente. Estou nos Ministérios, converso com deputados e senadores, e os resultados começam a aparecer”, contou. Saulo lembrou que uma obra deste porte beneficia a cidade na questão da malha viária.

O secretário de Obras, José Carlos Agnello, destacou todos os esforços para que os recursos fossem liberados. “Até um projeto ser aprovado e ter a verba liberada pela Caixa Econômica Federal existem muitos processos. Graças a organização desta Administração temos conquistado a liberação desta importante verba e de outras”, disse.

As rua Ernesto Molon no Bosque Santana está sendo pavimentada. A verba é oriunda de emenda parlamentar do deputado Sebastião Santos na ordem de R$145.744,52. A previsão de conclusão desta obra é que aconteça no primeiro semestre.

A construção de Galpão de Coleta Seletiva na Vila Yara também teve início. A ideia é que com o novo galpão de triagem, a cooperativa aumente a quantidade de material reciclável de forma considerável e proporcione melhores condições de trabalho aos cooperados.

A Prefeitura assinou contrato com o Fundo Estadual de Recursos Hídricos (Fehidro), da Secretaria de Saneamento e Recursos Hídricos do Estado de São Paulo, para a construção de Galpão e aquisição de equipamentos para ampliação da coleta seletiva no município, que compreende a Sub-bacia Taiaçupeba. 

“O novo galpão beneficiará os catadores de material reciclável do município, com geração de emprego e renda, e permitirá atender a demanda da população deste bairro e também da IV Divisão”, disse o secretário de Obras, José Carlos Agnelo.

Tendo recebido aprovação da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) no primeiro semestre do ano passado, o projeto elaborado pela Prefeitura foi indicado pelo Comitê da Bacia Hidrográfica do Alto Tietê (CBH-AT) para receber recursos do Fundo Estadual de Recursos Hídricos (Fehidro).O valor destinado para esta obra é de R$ 337.318,49. O galpão de 260 m² será construído em terreno localizado na Rua Fiorentino de Palatis, nº 34, na Vila Yara, em Ouro Fino Paulista. Além de abrigar a infraestrutura de triagem, no local, haverá espaço físico interno para a locomoção de equipamentos, área para recepção e expedição de materiais recicláveis, área para acondicionamento e armazenamento dos materiais beneficiados, espaço para movimentação de materiais e pessoas e ventilação apropriada.

A expectativa é que as obras sejam concluídas no segundo semestre.

No bairro Aliança foi iniciado a construção de escadaria na rua Ernesto Bernardi. A obra foi iniciada e deve ser concluída em 40 dias. O valor destinado obra é de R$ 122.984.15.

Palco Fixo

A Prefeitura através da Secretaria de Obras iniciou esta semana a construção de um palco fixo na Tenda Multicultural do Complexo Ayrton Senna. O projeto prevê a instalação de dois camarins e oito sanitários femininos e oito masculinos. A expectativa é que as obras sejam concluídas na segunda quinzena de julho. Vale informar que a construção do palco é custeado pelo município com investimentos na ordem de R$ 477 mil.

“Essa é mais uma obra que vai gerar economia aos cofres públicos. Estamos prevendo uma economia de cerca de R$ 1 milhão por ano. São muitos projetos que estamos buscando liberação. Esta é apenas uma parte. Todas essas obras são importantes para a cidade e estamos cumprindo nossa meta de governo que é investir para qualidade de vida dos ribeirãopirenses”, afirmou o prefeito.

A Praça Vila Conceição, localizada próximo as ruas Nicolau Moisés e Nazareno Romaldine, já está passando por obras para a futura instalação de mais uma academia ao ar livre em Ribeirão Pires. O projeto, colocado em prática pela Secretaria de Esportes e Lazer (SEL), conta com quatro aparelhos de ginástica e deve ser finalizado em cerca de trinta dias. A obra esta sendo realizada com recursos próprios.

Em licitação

Além destas obras iniciadas, a Prefeitura informa que estão em licitação mais de 10 obras. Uma das vias que receberá pavimentação são as vias avenida Santinho Gianasi, bairro Colônia. A liberação de R$ 462.535,21, verba oriunda do Governo Federal, através de emenda parlamentar. A via receberá ainda drenagem de águas pluviais e sinalização.

Está em licitação, aguardando ordem de serviço também a pavimentação, drenagem e sinalização de ruas da Vila Belmiro (Guaporé, Rio Grande do Sul, David de O. Gomes, Salvador Mano e Moacir de Andrade) e da Vila Bonita (Constantinopla, Elba, Atlantida, Regência, Graminia, Tigre e Eraldo Nascimento de Paula).  Os bairros foram contemplados com recursos na ordem R$ 467.467,65 para pavimento na Vila Belmiro e R$ 1.998.342,60 para Vila Bonita.

Destacamos também a pavimentação asfáltica da rua Salvador Ripoli. Para este serviço foram destinados R$ 906.023,68, recurso federal. Esta obra aguarda ordem de serviço.

A avenida Valdírio Prisco receberá pavimentação asfáltica, drenagem de águas pluviais, contenção de encostas, passeios e sinalização viária do trecho de extensão até a UPA. A verba para esta obra é oriunda do Governo Federal na ordem de R$ 7 milhões. Também está em licitação o pavimento sentido Zenital na ordem e R$ 843mil.  Na avenida Ribeirão Pires está previsto pavimentação asfáltica com o recurso de R$ 773.843,13.

A construção de quadras escolares cobertas está aguardando prazo de recurso. O valor do contrato é de R$ 1.203.030,18.

Esta também em fase de elaboração de Projetos para construção do viaduto de transposição via férrea e obra civil. A proposta esta em licitação na fase de análise da proposta técnica pela Secretaria de Obras. A Contratação de serviços de engenharia para edificação para instalação de teleférico está em licitação, no momento em análise de recurso. O valor destinado para esta etapa são cerca de R$ 9milhões.

A construção da UBS Quarta Divisão também está com licitação marcada para o dia 26 deste mês. O valor desta obra é de R$ 924.328,16.

A UBS da Vila Sueli terá reforma do telhado. A licitação está em fase de análise de documentação. Esta previsto o investimento de R$13.216,27.

O Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do Jardim Caçula passará por manutenção. A licitação está processo final. O valor desta intervenção é de R$ 21.137,98.

Está também em fase de licitação a construção de sanitário na igreja de Santo Antônio. Para esta obra estão previstos o recurso de R$ 233.892,46.

A Vila do Doce passará por intervenções. O banheiro passará por reforma. Para esta etapa está previsto o recurso de R$ 25.516,30. Esta na fase final de licitação.

Além disso, a Vila do Doce passará por revitalização. O projeto está em licitação e o valor destinado é de R$ 925.324,97.

Vias do Jardim Caçula receberão pavimentação asfáltica. A verba destinado é de R$ 548.514,24 oriunda do Governo Federal através de emenda parlamentar.  Será feito recape no topo das ruas Eça de Queirós, Cecilia de Meirelles e Casimiro de Abreu.