Saulo Benevides entrega miniatura do teleférico ao Ministro do Turismo


Criado em 30/03/2015

Encontro aconteceu nesta segunda-feira (30) durante visita realizada por Vinicius Lages ao Consórcio Intermunicipal Grande ABC

O prefeito da Estância Turística de Ribeirão Pires, Saulo Benevides, se reuniu nesta terça-feira (30) com outros gestores municipais da região para encontrar o atual ministro do turismo, Vinicius Lages. Durante a reunião, o chefe do executivo falou sobre o projeto do teleférico na cidade e entregou réplica em miniatura ao ministro.

Em pauta durante o encontro, foram apresentados três projetos que envolvem: sinalização turística; manutenção do site de informações turísticas da região; e maior visibilidade às cidades do ABC que fazem parte da Rota do Cambuci e que possuem potencialidade para turismo industrial.

Além da discussão de projetos futuros, Lages reforçou o compromisso em manter repasses financeiros para a construção do teleférico em Ribeirão Pires. “É um prazer ver que o desenvolvimento econômico e o turismo andam juntos nas cidades da região”, afirmou o ministro. “Os produtos turísticos foram identificados e percebo que já existe um trabalho crescente na região. Contem comigo e com meu entusiasmo”, declarou por fim.

Sobre o Projeto Cidade Encantada: Teleférico

O Projeto Cidade Encantada pretende transformar a realidade de Ribeirão Pires. Com sistema de gôndolas, muito semelhante ao que foi instalado no Santuário Nacional de Aparecida do Norte, o Teleférico de Ribeirão Pires terá finalidade turística, atraindo pessoas de todas as partes para conferir a paisagem que a cidade oferece. O equipamento interligará o Complexo Ayrton Senna com o Mirante Santo Antônio e o Parque Milton Marinho de Moraes.

A estação intermediária no Mirante Santo Antônio, além de proporcionar a vista deslumbrante de 270 graus de toda a cidade, inclusive da Represa Billings ao longe, interligará atrações como a exposição de arte sacra na escadaria do morro – que retratará as 15 estações da Via Crucix, arte elaborada em cerâmica por artista da cidade. Outra novidade é a construção, integrada à estação Santo Antonio, de um Café Panorâmico estilizado, com vistas para a represa e o restante da cidade, onde os visitantes poderão apreciar a paisagem, saboreando gastronomia diferenciada.

Depois desta parada, o Teleférico continuará o trajeto pelos mais 1,8 quilômetro, sobrevoando o Parque Ecológico Linear com uma área de mais de 800.000 m2, por cima de mata atlântica em alto grau de regeneração, até atingir o Parque Municipal Milton Marinho de Moraes, onde os visitantes poderão conhecer o Parque Temático Automotivo, em que será retratada a história deste setor que legitimamente representa o verdadeiro DNA da Região do Grande ABC. O local será composto por um Museu do Carro, restaurante, cinema tri dimensional e outras atrações lúdicas que proporcionarão diversão, cultura e informação tanto aos turistas como também podendo servir como espaço para visitação de alunos da rede pública como um parque científico.

Outra potencialidade deste projeto é a conexão com o turismo náutico, pois à partir deste parque temático será instalado pier que conectará os visitantes por barco com um Templo Messiânico, chamado Torre de Miroku, que é a única reprodução em tamanho natural fora do oriente de um  monumento localizado em Nara (Japão), além de interligar os demais parques e equipamentos náuticos do Grande ABC, como o Parque Estoril de São Bernardo do Campo.

O novo elemento turístico se destaca em avanço tecnológico, segurança e impacto nulo ao meio ambiente. Com design e estilo inovador, serão usadas cabines de transporte que comportam até seis pessoas. Saulo analisou parte do projeto, além de conversar sobre definição de estilo e arquitetura. "É um projeto ambicioso na área do Turismo e exige ousadia, mas de forma direcionada e bem planejada", afirmou.

O Teleférico será mais um elemento turístico a somar aos demais já existentes na cidade: as capelas Santo Antônio e Pilar, a Pedra do Elefante, o Mirante São José, os parques Pérola da Serra e Milton de Moraes, as diversas trilhas, a represa e a Vila do Doce, que receberão ainda mais destaque com esse novo atrativo.