Ribeirão Pires realizará Semana Estadual de Mobilização para Prevenção e Combate à Dengue


Criado em 18/03/2015

A Prefeitura da Estância Turística de Ribeirão Pires, por meio da Secretária de Saúde e Higiene, realizará a semana estadual de mobilização contra a dengue entre os dias 23 e 27 de março de 2015.

A campanha destaca o alto número de casos registrados e de óbitos no estado de São Paulo, principalmente na capital e interior do estado. O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) irá conscientizar a população sobre os cuidados necessários para impedir a proliferação do aedes aegypti, o mosquito transmissor da dengue e também sobre a febre chikungunya.

Segundo Dra Eliana Maciel, Veterinária responsável pelo CCZ (Centro de Controle de Zoonozes), em Ribeirão Pires foram encontrados muitos focos, porém são poucas as notificações registradas e também não houve o registro de nenhum caso autóctone (quando o munícipe é picado dentro do seu município). No entanto ela lembra que a população deve continuar alerta, aumentado os cuidados já habituais de outros anos e ampliando a atenção quando utilizar bacias, baldes e afins para armazenar água das chuvas, mantendo esses recipientes bem tampados.

Programação da semana de mobilização contra a dengue:

Dia 23, das 13h30 às 16h30, na Rodoviária, haverá um stand de exposição de larvas e mosquitos, e a distribuição de folhetos explicativos.

Dia 24, às 9h e às 14h, acontecerão palestras na E.E. Álvaro de Souza Vieira, na Vila Gomes, para professores e alunos.

Dia 25, durante todo o dia, a equipe do CCZ intensificará as visitas, dando atendimento prioritário às denúncias recebidas, principalmente nos bairros que registram ocorrências e fazem divisa com Ribeirão Pires.

Dia 26, às 9h e às 14h, acontecerão palestras na E.E. Casemiro da Rocha, em Ouro Fino, para professores e alunos.

Dia 27, das 9h às 11h e das 13h30 às 16h30, o stand de exposição de larvas e mosquitos, e distribuição de folhetos explicativos estará montado novamente na Rodoviária, fechando a semana de campanha.

Os munícipes que suspeitarem de algum foco ou criadouro do mosquito da dengue podem solicitar a visita de um técnico da Vigilância Sanitária, através do telefone do CCZ, 4824-3748.