Benevides: Obras que atrapalham hoje são indispensáveis para o desenvolvimento da cidade


Criado em 12/06/2013

Prefeitura acompanha de perto construção do Trecho Leste do Rodoanel e ampliações da rede de esgoto, que atingem diversos pontos da cidade

Os moradores da Estância Turística de Ribeirão Pires se deparam, diariamente, com obras sendo realizadas em diferentes bairros da cidade. As principais em andamento, responsáveis por algumas reclamações da população, se referem à ampliação da rede de coleta de esgoto, executados pela concessionária Sabesp, e de construção do Trecho Leste do Rodoanel Mário Covas.

A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) executa obras do projeto Tietê, que consiste na construção de redes coletoras que encaminharão esgoto para a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) ABC, localizada em São Caetano do Sul.

Outro projeto da Companhia em andamento é o Vida Nova/Mananciais, que irá universalizar os serviços de coleta e tratamento de esgoto no município. A previsão de implantação é de 2012 até 2016.  Para que esses investimentos e melhorias sejam possíveis, pequenos canteiros de obras se instalam em pontos da cidade, justamente para que os serviços sejam executados, no cronograma estipulado.

O intenso tráfego de caminhões e máquinas utilizadas na obra do Rodoanel, além de causar lentidão no trânsito, também trazem prejuízos às vias, que sofrem danos provocados pelo peso dos equipamentos que circulam por dentro da cidade até os pontos onde as obras estão sendo realizadas. A Prefeitura acompanha a movimentação junto à SPMar, concessionária responsável pela obra.

"Estamos acompanhando de perto toda a movimentação das obras. Os moradores têm razão quando se queixam de prejuízos, mas não podemos deixar de pensar no bem que essas intervenções proporcionarão à cidade. Costumo dizer que estas obras são como uma reforma em nossa casa, sem que saiamos dela. Há o desconforto, mas no futuro tudo fica novinho e muito bonito", observou o prefeito de Ribeirão Pires, Saulo Benevides.

"O Rodoanel, por exemplo, estimula o crescimento por onde passa. Em Ribeirão Pires, a obra aproximará, ainda mais, a Estância de pontos estratégicos em todo o Estado, posicionando a cidade e a região em uma das áreas mais privilegiadas para instalação de novas empresas, investimentos importantes que poderão chegar a médio e longo prazo. Além disso, a obra contribui na geração de receita e de emprego, que já beneficiam centenas de moradores", explicou Benevides. Saulo lembrou da palavra do Governador do Estado, Geraldo Alckmin, de que a cidade terá uma alça de acesso ao Rodonanel.

Sobre os prejuízos causados pelo impacto das intervenções, o prefeito considera o papel de fiscalização da Prefeitura nas áreas afetadas e o diálogo aberto entre o Poder Público e as responsáveis pela obras fundamentais para amenizar os transtornos e garantir que as recuperações sejam realizadas nos prazos estipulados.

"Trabalhamos para tentar reduzir, o máximo possível, o impacto dessas obras no dia a dia dos moradores. Além disso, manutenções paleativas estão sendo feitas e, ao término das intervenções, a Prefeitura acompanha a recuperação definitiva das vias", concluiu.

Ao mesmo tempo o prefeito lembrou de que o Departamento de Trânsito da cidade, bem como outros setores da Prefeitura, trabalham no sentido de minimizar os impactos das obras. ?Peço a nossa população que compreenda os problemas de agora, pois Ribeirão Pires será extremamente beneficiada com o término dos serviços?, finalizou o prefeito. (12/06/2013)