Polícias Civil e Militar aprovam retirada da arquibancada da Praça Central


Criado em 24/04/2013

Medida atendeu antiga reivindicação de comerciantes e moradores da região

Na última semana, durante apresentação de resultados de força tarefa na área de segurança pública, as polícias Civil e Militar elogiaram a retirada da arquibancada que estava instalada na Praça Central da Vila do Doce. A medida foi tomada pela Prefeitura após inúmeras reclamações e pedidos de comerciantes e moradores da região e também atendeu reivindicações dos vereadores.

"Quero parabenizar a Prefeitura pela remoção da arquibancada. Agora a segurança fica mais eficaz, pois constantemente abordávamos pessoas no local comentando atos como o uso de drogas", afirmou o Chefe dos Investigadores da Polícia Civil, Edson Barbosa.

Para o Capitão da Polícia Militar, Maurício Kupstaite, a medida irá contribuir com as ações para coibir atos como vandalismo. "Aprovamos a retirada da arquibancada já que no local havia alto índice de ocorrência", declarou.

Força Tarefa ? Na última semana, foi divulgado balanço de ação conjunta para coibir ações criminosas entre as polícias Civil e Militar e a Prefeitura, por meio da Guarda Civil Municipal. No dia 12 deste mês, membros das corporações intensificaram o policiamento na cidade entre 21h e meia noite. No período, 150 pessoas foram abordadas, sendo um indivíduo autuado por porte ilegal de arma branca, na Vila do Doce, uma pessoa autuada por porte de droga (usuário), na Vila Aurora, e dois estabelecimentos foram autuados por falta de licença.

"Esta ação foi super positiva, principalmente pela integração entre a Prefeitura e as polícias civil e militar. Essa foi nossa primeira operação, por conta disso considero que superamos a expectativa", avaliou a secretária-adjunta de Segurança Pública, Regina Bertoldo.

Também participaram da ação Conselho Tutelar e Conselho Municipal de Segurança Pública e secretarias de Transporte e Trânsito, de Saúde e Higiene e de Planejamento Urbano, Habitação, Meio Ambiente e Saneamento Básico. (24/04/2013)