UBS do Centro Alto realizou mais de 15 mil consultas em um ano


Criado em 24/09/2014

Abertura da Unidade de Saúde do bairro reduziu número de atendimentos na UBS Central da cidade

Nesta semana, a Unidade Básica de Saúde do Centro Alto, em Ribeirão Pires, completa um ano de funcionamento. Inaugurada em 21 de setembro de 2013, a UBS recebeu moradores do bairro em 15.275 consultas. Desde o início dos atendimentos, foram realizados 12.303 procedimentos de enfermagem no local e 4.817 procedimentos odontológicos.

A Unidade de Saúde facilitou aos moradores o acesso aos atendimentos de rotina em clínica geral (6.674 consultas), pediatria (1.442 consultas), ginecologia (1.782 consultas) e odontologia. Em fevereiro deste ano, o quadro médico da UBS do bairro ganhou geriatra (560 consultas até a última semana). No período, também foram realizados 2.995 exames de eletrocardiograma na unidade.

Com a inauguração do equipamento, a Prefeitura redistribuiu a procura por atendimento dos moradores do Centro Alto e áreas próximas que antes estava concentrada na UBS do Centro. Em clínica geral, maior demanda, foi registrada queda de atendimento de 11,3% de setembro de 2013 a agosto de 2014 em relação ao ano anterior, quando não havia UBS no Centro Alto. O número representa 1391 pacientes a menos na UBS do Centro após a inauguração da nova unidade. Em pediatria, a queda foi ainda maior no período, de 31,3% (646 pacientes a menos).

Maria Aparecida da Cruz Lima, 19 anos, faz o acompanhamento do filho Kauã, de quatro meses, na unidade. “Passo de 15 em 15 dias com o pediatra. O médico é bom. Explica bem. Gosto muito do atendimento”, aprova Maria, que nesta semana passou com o filho por consulta e retirou pomadas para o bebê na farmácia da UBS.

A moradora recém chegada ao bairro, Ivia Brito, de 40 anos, fez a carteirinha na unidade e passou por clínico geral. “Agora que mudei vou precisar dos serviços daqui”, contou. Ivia foi nesta quarta-feira, dia 24, à Unidade com a irmã Leide de Brito, 34 anos, que já residia no Centro Alto. “Assim que a UBS aqui inaugurou em cancelei meu convênio. O tempo de espera é menor e o atendimento é bem melhor do que na rede particular. Principalmente porque tenho duas filhas de 3 anos e um ano e meio. O serviço é sensacional”, avaliou Leide.

Entre outras conquistas aos moradores, neste ano, a Unidade também foi a primeira a receber o projeto “Caminhada por uma Vida Melhor” promovido pela Secretaria de Saúde e Higiene da cidade. Mais de 70 moradores do bairro mudaram a rotina com a prática de exercícios físicos que começam na própria Unidade, com alongamento, e seguem por ruas do bairro. Desde abril, pessoas com idade entre 11 a 84 anos participam das caminhadas, que têm duração de pelo menos 30 minutos.

Maria de Fátima da Silva Santos, de 50 anos, é uma das participantes do projeto. Antes de mudar para o Centro Alto, a moradora residia no litoral paulista. “Era outro ritmo. Quanto mudei para cá ficava muito tempo parada”, conta. “Agora me sinto mais disposta. Não sinto mais dores no corpo e minha respiração melhorou”, observa Maria.

Além de promover a prática do exercício físico, com alongamentos e caminhada, o projeto inclui o acompanhamento clínico aos moradores, que são pacientes da UBS. Assim que se cadastra para as aulas, realizadas duas vezes por semana – terças e quintas-feiras ou quartas e sextas-feiras – o interessado realiza exames na UBS para avaliar frequência cardíaca, medição de cintura, peso, entre outros quesitos, para saber qual será a intensidade dos exercícios que poderá praticar e acompanhar a evolução e as melhoras na saúde. Os exames são repetidos a cada dois meses.

Sobre a Unidade Básica de Saúde do Centro Alto

No início de 2013, a Prefeitura retomou as obras da UBS do Centro Alto, que estavam paradas desde 2012. O acabamento do prédio e serviços de instalação hidráulica, elétrica, bem como de revestimento, por exemplo, foram executados. A unidade também recebeu mobiliário e equipamentos, incluindo cadeira para atendimento em odontologia.

“A abertura da UBS do Centro Alto foi uma importante conquista para os moradores do bairro, que reivindicavam a unidade, e faz parte do nosso projeto de ampliação estrutural e de modernização do atendimento em toda a cidade. Os números de consultas e procedimentos de nossas equipes demonstram que foi um investimento necessário, que chegou em boa hora”, explicou o prefeito de Ribeirão Pires, Saulo Benevides.

Foi investido cerca de R$ 1 milhão na construção e estruturação da UBS do Centro Alto. A unidade conta com 07 consultórios, 04 salas de enfermagem e farmácia. Com a abertura da UBS do Centro Alto, a rede municipal de saúde da Estância passou a ter dez unidades de saúde.

Sobre a rede de Atenção Básica de Ribeirão Pires - Porta de entrada dos pacientes aos serviços de rotina da saúde no município. Nas unidades de saúde da cidade são realizados atendimentos de rotina com clínicos gerais, pediatras e ginecologista, além de consultas agendadas também com psicólogos e dentistas. Vacinação, orientação, palestras e campanhas de prevenção fazem parte das ações desenvolvidas. As unidades também atendem programas do Ministério da Saúde, como Hiperdia, Insulino Dependente, SispreNatal, entre outros.

Serviço UBS Centro Alto: Funcionamento – de segunda a sexta-feira, das 7h às 16h.

Local: Rua Aurora, 61 – Centro Alto