Programação cultural gratuita no 1º Festival do Cambuci


Criado em 17/09/2014

Além de atrações culturais, o próximo fim de semana na Praça Central da cidade, evento terá produtos que fazem parte da Rota do Cambuci

No próximo fim de semana, a Estância Turística de Ribeirão Pires sediará o primeiro Festival do Cambuci da cidade. O evento acontecerá nos dias 20 e 21 de setembro, das 14h às 22h, na Praça Central – Rua Boa Vista, s/n, Centro, ao lado da Vila do Doce – e contará com programação cultural gratuita (confira abaixo) inclusive em parceria com o Proac.

Desde abril deste ano, Ribeirão Pires participa de atividades da Rota Gastronômica do Cambuci, que chegou à sexta edição. Com estande especial, iguarias próprias da Estância foram apresentadas, como o quindim e o pão de mel. Trufas preparadas pelas chocolateiras da cidade também ganharam destaque.

“Achamos importante incluir as chocolateiras neste projeto, afinal elas são parte da identificação local de nossa cidade. Assim como a Princesa do Chocolate, que também participa. Elementos da Estância foram levados para os outros festivais que aconteceram na Rota e que estarão reunidos nos dias 20 e 21 de setembro”, afirmou o secretário adjunto de Turismo, Marcelo Liochi.

Além das chocolateiras e dos produtores locais, o 1º Festival do Cambuci de Ribeirão Pires terá atrações culturais locais, com música e dança, além de expositores de outras cidades da Rota que trarão outras receitas feitas com a fruta. Serão cerca de 10 expositores vindos de Rio Grande da Serra, Santo André, Mogi das Cruzes, São Lourenço, entre outras.

“A participação de Ribeirão Pires na Rota do Cambuci vem ao encontro do trabalho de estímulo ao desenvolvimento do turismo e da cultura. A cidade possui grande potencial para ampliação de empreendimentos rurais, com características naturais ideais para ações que fomentem e preparem empreendedores para incentivar a melhoria do setor. Com isso, atraímos mais visitantes para a Estância”, afirmou o secretário de Cultura e Turismo, Cassiano Filho.

Programação cultural – 1º Festival do Cambuci de Ribeirão Pires

20/09/14 - Sábado

Bárbara Marques (convidada) – MPB (16h)

Michel Leme (Proac) - Guitarra / Instrumental (18h)

Vavá Rodrigues (Proac) - Homenagem ao Gonzaga (19h)

21/09/14 - Domingo

Maciços (Local) – Pagode (16h)

Pedro Vitor e Raí (Local) – Sertanejo (18h)

Sandro Haick (Proac) - Guitarra / Instrumental (20h)

Banda Mandau (Proac) – Soul (21h)

- Banda Mandau

A Banda Mandau surgiu em 2005 na cidade de Ponta Grossa, no Paraná. Recentemente, o vocalista da banda – Scilas de Oliveira – gravou dueto com a cantora Joss Stone.

O grupo já tem dois discos lançados, é dono do hit Lagoa Dourada e desde 2010 atua no cenário musical de São Paulo. Já Scilas também tem projetos paralelos, principalmente voltados ao samba – o vocalista é de uma tradicional família de músicos da cidade.

- Michel Leme

Nascido na década de 70, em São Paulo, o músico celebra 24 anos de uma carreira sólida e intensa lançando o DVD Arquivos - Vol. 1, um material totalmente independente que traz fragmentos de apresentações realizadas entre 2010 e 2013, incluindo músicas do repertório do seu último disco de inéditas. Nos seus shows, o guitarrista costuma tocar tanto com nomes já conhecidos do circuito instrumental quanto com novos talentos da música.

Ao longo dos anos, a carreira de Michel Leme ganhou projeção e foi destaque em diferentes mídias, que vão desde programas de TV aberta como o Programa do Jô (Globo) e Metrópolis (TV Cultura), e jornais de grande circulação como a Folha de São Paulo e O Globo, até a mídia especializada como a Guitar Player e o Território da Música (Terra), além de blogs e fanzines de apreciadores de música todos atendidos com igual atenção por ele.

- Vavá Rodrigues

Músico autodidata, começou a tocar na década de 70, na Peña Folclórica Don Fernando. Nessa ocasião, além de cantor solo, fez parte do grupo Pueblo Eterno, que tinha seu repertório composto por releituras de clássicos da MPB fundidos a standards da música latino-americana.

Vavá Rodrigues também é redator publicitário, compositor e produtor de jingles e trilhas para propaganda. Em estúdio, já dirigiu nomes como Inezita Barroso, Daniel, Germano Mathias, Wilson Simoninha, a cantora Céu, Maurício Manieri, Pena Branca e Xavantinho, entre outros. Como compositor e intérprete, conquistou prêmios de aclamação popular e 3º lugar na 11ª e 13ª edição do Festival de MPB de Tatuí, um dos mais conceituados festivais de música do Brasil.

Em maio de 2007, Vavá Rodrigues e alguns amigos músicos com interesses comuns, começaram a se reunir com o objetivo de experimentar música brasileira, especialmente a nordestina, fundida com os mais variados estilos musicais, principalmente o rock, o funk e o blues. Nascia então Vavá Rodrigues e o Pessoal da Banda, executando um estilo musical definido por eles mesmos como "Música Paulistana com Sotaque Nordestino". Com três trabalhos gravados, "SALADA AO VIVO" (CD e DVD) e "MISTURÊRA", CD de estúdio lançado no primeiro semestre de 2010. Em janeiro de 2011, estiveram entre os finalistas da 18ª edição do Festival de MPB de Tatuí.

- Sandro Haick

Sandro Haick participou, aos 12 anos, do grupo infanto-juvenil "BomBom", gravando pela CBS o hit "Vamos A La Playa", realizando shows por todo o Brasil. Realizou estudos de guitarra e teoria musical, tendo aulas particulares com Mozart Mello por 1 ano, curso de percepção musical com Ricardo Brent na Universidade Livre de Música e curso de harmonia musical com Cláudio Leal Ferreira. Durante 6 anos exercitou a prática dos dois instrumentos por bares e locais de São Paulo (Sanja Jazz Bar, Jazz And Blues etc.) fase em que surgiu a necessidade de ampliar seu talento musical, desta feita voltadas ao baixo elétrico seguido do baixo acústico.

Não bastasse ser multi instrumentista, também é arranjador, produtor, diretor musical, técnico de gravação e mixagem, dando início em 1999 a fase de compositor, já tendo composto mais de 50 músicas instrumentais de estilos variados.