Prefeitura investe no Centro de Controle de Zoonoses


Criado em 26/08/2014

Unidade ganhará laboratório, vestiários para equipes, salas destinadas para procedimentos internos, além de novos canis, coxias e gatil

As ações de combate a vetores de doenças em Ribeirão Pires estão recebendo importante reforço. A Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde e Higiene, está investindo cerca de R$ 580 mil para a ampliação da estrutura e reforma do Centro de Controle de Zoonoses da cidade.

Na lista das intervenções, que tiveram início no final de julho, estão a construção de laboratório para leitura de larvas, carrapatos e identificação de mosquitos, sala de expurgos, vestiário para os profissionais do CCZ com sanitários, salas para pequenas cirurgias e para procedimentos veterinários – destinadas exclusivamente ao atendimento dos animais abrigados no serviço, sala de esterilização, além de reforma e melhorias nos departamentos administrativos.

Essa estrutura será instalada em área onde hoje há nove baias para abrigar cães. Os animais desses canis serão abrigados em dez novas baias que também estão sendo construídas. O Centro de Controle de Zoonoses possui, ainda, quatro coxias para cavalos que serão reconstruídas em estrutura melhor adequada aos animais. O gatil também será reconstruído.

A partir das mudanças, todos os canis e gatil terão espaço coberto e solário, área reservada ao banho de sol. Além disso, o CCZ ganhará salas próprias e separadas para armazenamento de inseticidas, para o preparo dos inseticidas – seguindo todas as normas de segurança aos profissionais que fazem a manipulação dos produtos, para armazenamento de raticida, lavanderia e sala de estoque de ração.

“Estamos investindo em melhorias das condições de trabalho de nossas equipes, que diariamente desenvolvem importantes ações para combater doenças e atender às necessidades dos moradores. Nosso projeto inclui o controle da população canina e felina nas ruas da cidade, por meio de feiras de adoção, da conscientização sobre a posse responsável e de projeto de castração de animais”, explicou o secretário de Saúde e Higiene de Ribeirão Pires, Koiti Takaki.

O CCZ conta atualmente com 22 baias para cães, que abrigam 60 animais, capacidade máxima do local. A estrutura dos canis será readaptada e melhorada. A capacidade de acolhimento será mantida.

Sobre o Centro de Controle de Zoonoses:

O Centro de Controle de Zoonoses de Ribeirão Pires trabalha para combater pragas, como insetos transmissores de doenças e roedores, como forma de prevenir, por exemplo, a dengue e a raiva. Também gerencia o abrigamento de cães e gatos de rua recolhidos apenas nos casos de serem animais doentes, por apresentarem risco à segurança de moradores ou cadelas no cio.

Durante todo o ano, o CCZ promove campanhas e ações de combate aos transmissores de doenças. Também promove atividades para conscientizar moradores sobre a posse responsável de cães e gatos e realiza feiras de doação de cães.

O CCZ é um espaço aberto aos moradores que querem conhecer e adotar cães ou gatos. Os cães e gatos adultos são vacinados (V8 e raiva), vermifugados e castrados, exceto os “recém chegados”, por falta de tempo hábil em proceder a castração.

Filhotes não são castrados ao serem disponibilizados para adoção. No entanto, entram como prioridade no cadastro para a campanha de castração promovida pela Prefeitura.  Esses filhotes são vermifugados e os adotantes são orientados a trazer os filhotes até o CCZ, após cerca de uma semana (período destinado para observação no domicílio), para receberem, gratuitamente, a vacina V8, que protege os cães de várias doenças espécie-específica.

Serviço:

Endereço: Rua Catarina Rios Giachelo, 185 – Centro.

De segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Telefone: 4824-3748