Ribeirão Pires encerra comemorações do Dia da Mata Atlântica


Criado em 18/06/2014

Dando continuidade às comemorações ao Dia da Mata Atlântica, a Prefeitura da Estância Turística de Ribeirão Pires, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, em parceria com a Secretaria de Educação e Inclusão, realizou plantio de árvores nativas da Mata Atlântica na Escola Municipal Yoshihiko Narita, no bairro Santa Luzia. Dentre as espécies nativas estavam a Pitangueira, a Goiabeira e o Araçazeiro e dentre as exóticas, a Romãzeira e a Amoreira. A ação também faz parte do Mês do Meio Ambiente.

Um decreto presidencial de 1999 instituiu o dia 27 de maio como o Dia da Mata Atlântica, que cobria todo o litoral brasileiro e que encantou os portugueses, em 1500, por ser rica em pau-brasil. Mesmo reduzida, a Mata Atlântica ainda é um ecossistema importante por sua diversidade arbórea e por sua função social e econômica para as regiões a ela associadas. Entre os seus papéis no meio ambiente, podemos citar o controle das cheias, o papel de filtro biológico, criatório de peixes e lugar de repouso para aves migratórias.

 

Anteriormente, também foi realizado plantio de árvores nativas da Mata Atlântica na Escola Municipal Professora Lavínia de Figueiredo Arnoni, na Vila Mortari. Contando com a participação de alunos e professores da unidade escolar, além de técnicos das secretarias envolvidas, a ação promoveu o plantio de mudas das espécies nativas como a Pitangueira, além de frutíferas, como a Ameixeira e a Amoreira.