Placas de trânsito de Ribeirão Pires são revitalizadas com pintura a mão


Criado em 26/05/2014

Além do acabamento ficar mais bonito, o trabalho também está ajudando na economia com compras de novas placas

As placas de trânsito de Ribeirão Pires que não estavam em bom estado de conservação, com a pintura descascando ou que precisavam de alguma mudança de informação como nome de rua que mudou ou nova instrução, estão passando por reforma. As pinturas são realizadas por um funcionário da Secretaria de Transporte e Trânsito da Prefeitura que criou os moldes e agora realiza o trabalho manualmente.

Gilmar Montarini é o funcionário responsável pelo trabalho. Ele, que é profissional de marcenaria, mas atualmente faz parte da Frente de Trabalho da Prefeitura. “Ribeirão precisa de placas bonitas e chamativas. As pessoas quando chegam a nossa cidade devem reparar neste cuidado”, afirmou o funcionário.

Cada placa, segundo Gilmar, leva de dois a três dias para ficar pronta. Cerca de 25 peças são reformadas por mês. “Primeiro preciso retirar a tinta antiga, depois pintá-las de branco e, por fim, utilizar os moldes para fazer as letras e formas. Quanto mais detalhada, mais tempo demora para ficar pronta”, explica Montarini.

“Esse trabalho promove, além de uma aparência mais bonita e nosso cuidado com as peças do trânsito, uma redução de gastos do dinheiro público com a reutilização de materiais que possivelmente iriam para o lixo quando trocados”, declarou o secretário de Transportes e Trânsito, Rubens de Almeida Sousa. Com as reformas, a economia mensal com compras de placas novas pode chegar a R$ 3.750,00.