Pronatec em Ribeirão Pires inicia aulas no próximo dia 10 de fevereiro


Criado em 05/02/2014

Alunos matriculados se reuniram no Centro de Formação Profissionalizante Prof. Paulo Freire para receber mais informações sobre o sistema SEST SENAT ABC

A Prefeitura da Estância Turística de Ribeirão Pires, por meio da Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social, dará início às aulas do curso de inglês oferecido em parceria com o Serviço Social do Transporte (SEST) e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (SENAT) referente ao Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). Os alunos começam a ter aulas a partir da próxima segunda-feira, dia 10 de fevereiro.

Além do curso de inglês básico, que reunirá 20 munícipes inscritos, outros dois cursos também fazem parte do Pronatec e da parceria entre Prefeitura, SEST e SENAT, já com matrículas realizadas e previsão de início em abril. Com 160 horas de carga horária, as aulas para operador de mini carregadeira formarão 25 alunos. O curso de arrumador e conferente de cargas também formará mais 25 profissionais.

"Para o segundo semestre, avaliamos a possibilidade de oferecer mais vagas e cursos, como o de operador de empilhadeira, que havia sido solicitado, mas, neste primeiro momento não pode ser contemplado", explicou o diretor do SEST SENAT ABC, Rafael Marchesi.

"As oportunidades de trabalho oferecidas pelas empresas carecem de jovens e adultos qualificados profissionalmente. As parcerias firmadas possibilitam a inserção de cursos que promovam a capacitação de acordo com o mercado de trabalho em Ribeirão Pires e região, aumentando as chances de quem está em busca de um emprego", explicou a secretária de Assistência e Desenvolvimento Social da cidade, Sonia Garcia.

Abordando conceitos teóricos e práticos, 84 horas dos cursos são destinadas para habilidades básicas (inserção no mercado de trabalho, elaboração de currículo, como se comportar durante entrevistas, entre outros) e o restante da carga horária - 76 horas - são voltadas ao conteúdo prático. Os alunos recebem vale transporte (ida e volta), alimentação (kit diário composto por lanche, suco/achocolatado e fruta/cereal) e material didático. (05-02-2014)