Coop inaugura nova unidade em Ribeirão Pires


Criado em 19/04/2017

Trigésima unidade da rede e segunda em Ribeirão Pires, a Cooperativa de Consumo agora atenderá moradores do bairro Centro Alto e arredores

 

Na manhã desta terça-feira (18) , foi realizado o evento de inauguração da nova unidade da COOP – Cooperativa de Consumo, em Ribeirão Pires. A loja está localizada na Avenida Santo André, 735 – Centro Alto, em mais de mil metros quadrados de loja completa, uma Drogaria Coop, padaria, açougue, balcão de frios, hortifrúti e mais de cento e cinquenta vagas de estacionamento.

 

Durante o evento o prefeito Adler Alfredo – Kiko ressaltou a importância do empreendimento para a cidade. "Além de trazer mais um opção de consumo e desenvolvimento para a nossa cidade, a Coop também tem importantes trabalhos sociais junto à comunidade. Há 60 anos esta entidade busca o bem estar de seus associados", discursou o Prefeito.

 

Esta é a 30º unidade da Coop e a segunda unidade em Ribeirão Pires. Foram contratados 100 colaboradores, em processo seletivo realizado com o apoio da Prefeitura de Ribeirão Pires, por meio do PAT – Posto de Atendimento ao Trabalhador. No total, foram atendidos 8.200 candidatos. Entre os selecionados está Jaime Pereira da Silva Júnior, de 21 anos, morador da Estância. "Eu já havia utilizado o serviço do PAT anteriormente, e pelo meu cadastro eles me avisaram sobre a seletiva para trabalhar na Coop, passei por todos os processos e fui contratado. Fui muito bem atendido pelo serviço do PAT", explica Jaime.

 

Muitos munícipes prestigiaram o evento e foram conhecer a nova loja da Coop, assim como a munícipe Maria Silvia dos Santos, 73 anos. "A inauguração desta unidade é ótima, sou cooperada há mais de 40 anos e gosto de comprar aqui", afirma.

 

Já para Antônia Maria, moradora do Parque Aliança, o empreendimento traz facilidades para os munícipes. "Vim conhecer e pesquisar preços, é mais uma opção para consumo e ajuda a todos os moradores", conta.

Para o secretário de Turismo e Desenvolvimento Econômico da Estância, Marcelo Menato, a unidade vem suprir uma grande demanda do município. "O Centro Alto precisava deste tipo de investimento, se queremos firmar nosso título de Estância, precisamos dar apoio para a vinda de novos empreendimentos e ajudar no desenvolvimento dos bairros", explica.