Governo trabalha por eficiência de recursos públicos


Criado em 20/01/2017

Primeiros dias da nova gestão são marcados por levantamentos de contratos e de finanças, reorganização dos trabalhos e identificação de prioridades

O prefeito de Ribeirão Pires, Adler Teixeira – Kiko, estabeleceu novos parâmetros para a atuação do primeiro escalão do governo. Desde o primeiro dia da nova gestão, o trabalho do secretariado segue “termo de compromisso de gestão” que estabelece normas de conduta para a redução das despesas públicas somada à otimização do desempenho dos serviços prestados à população. As diretrizes estão pautando as equipes técnicas da Prefeitura em todos os departamentos.

O levantamento da situação econômica e financeira herdada da gestão anterior está entre as ações priorizadas. Para isso, por meio da Secretaria de Governo, o prefeito determinou a realização de inventário de patrimônio de bens móveis e imóveis, contratos de locação, comodatos e cessão de área, indicando a condição atual de uso e a relação de bens de consumo existentes no almoxarifado.

O Gabinete estabeleceu, ainda, como diretriz de trabalho, a transformação do modelo tradicional para uma forma mais aberta e participativa de administração, prezando a transparência e a colaboração entre os funcionários. A antecipação de problemas, a redução de despesas que não acarretem prejuízos aos serviços públicos e a aplicação de conceitos de inovação e austeridade também são recomendações a todos os setores.

Outras medidas estão sendo tomadas no sentido de iniciar a reorganização administrativa da Prefeitura, que deverá ser realizada ainda neste semestre.

“Estamos implementando na Prefeitura visão mais sistêmica do trabalho, com o objetivo de difundir boas práticas, evitando riscos legais, operacionais e de imagem, e por consequência, prejuízos aos moradores”, declarou o secretário de Governo da Prefeitura, Paulo de Tarso.

A referida ação está sendo colocada em prática de forma integrada entre diferentes setores da Prefeitura. Em princípio, os departamentos estão relacionando as principais dificuldades, áreas prioritárias e despesas que podem ser “enxugadas”, evitando desperdícios de recursos públicos. Medidas mais amplas, como a reorganização administrativa, também serão colocadas em prática a partir do diagnóstico minucioso que busca identificar as falhas e os pontos a serem melhorados, facilitando o dia a dia das equipes da Prefeitura e beneficiando moradores e usuários dos serviços públicos municipais.