Morcego é encontrado caído na área central de Ribeirão Pires


Criado em 25/11/2015

Centro de Zoonoses orienta a população com cuidados de vacinação

A Secretaria de Saúde e Higiene através do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) coletou no quintal de uma residência, um morcego caído durante o dia, morto pelos cães da residência. O morcego foi coletado e enviado ao Instituto Pasteur para análise do vírus rábico e identificação da espécie, que é um procedimento de rotina. Os cães receberam dose de reforço da vacina contra raiva e ficaram sob observação até o resultado do exame.

O CCZ orienta que a população fique atenta aos sinais de presença de morcegos (principalmente no entorno da Avenida Fortuna, onde foi coletado o último animal), e comunicar ao Centro de Zoonoses caso haja morcegos caídos durante o dia (vivo ou morto) para que seja feita a coleta.

Segundo a veterinária do Centro de Zoonoses, Dra Eliana Maciel, é importante manter distância dos animais encontrados e solicitar o apoio do Centro para recolhê-los com segurança. “Se o munícipe encontrar um animal, estando vivo ou morto, não deverá tocá-los, uma vez que são espécies silvestres considerados de alto risco para transmissão de raiva”, afirma.

Vale ressaltar que morcegos desempenham um importante papel na natureza, sendo responsáveis pela dispersão de sementes, polinização de flores e controle da população de insetos e são protegidos pela Lei de Proteção à Fauna e desta forma, a sua perseguição, caça ou destruição são considerados crimes ambientais. Quando são avistados voando, ao entardecer e à noite, não oferecem riscos à população por ser um comportamento natural da espécie, que saem dos abrigos à procura de alimentos.

O gato é um predador regular em áreas urbanas, sendo comum seu contato com morcegos, o que explica o aumento do número dos casos de raiva em gatos. Por este motivo, o CCZ orienta sobre a importância de manter os cães e gatos vacinados todos os anos. E disponibiliza a aplicação da vacina gratuitamente no CCZ localizado na Rua Catarina Rios Giachello, 185 no Jardim Boa Sorte, em horário comercial de 2ª a 6ª feiras.

Outras informações: 4824-3748 (Centro de Controle de Zoonoses)