Ribeirão Pires realizará Semana Estadual de mobilização contra a dengue


Criado em 19/11/2015

Centro de Zoonoses intensifica ações educativas de prevenção à Dengue na Semana Estadual de Mobilização contra a doença

Na semana de 23 à 28 de novembro,  a Prefeitura da Estância Turística de Ribeirão Pires por meio da Secretaria de Saúde e Higiene promoverá a Semana Estadual de Mobilização contra a dengue. Além das ações de rotina, a equipe do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), realizará trabalhos de orientação sobre a importância de manter cuidados para evitar a proliferação do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da Dengue e outras viroses como a Febre Chikungunya e a Zica.

Nos dias 23, 25 e 27 de novembro, no período da manhã, os agentes de controle de endemias estarão nas proximidades da rodoviária com a distribuição de folhetos e exposição de amostras do ciclo de vida do Aedes Aegypti (ovos, larvas, pupas e o mosquito adulto), além de orientações sobre eliminação de criadouros, acolhimento de denúncias e dicas de segurança.

Já no dia 24, período da tarde, os agentes estarão com as mesmas atividades em frente ao Supermercado Extra na Rua Domingues de Oliveira.

Para encerrar as ações da Semana Estadual, no dia 28 (sábado), das 9 às 16h, a equipe estará na Praça Central de Ribeirão Pires também com a distribuição de folhetos e orientação, além de exposição de amostras, maquetes, acolhimento de denúncias e cadastro para aquisição de teles de caixas d’águas que estejam sem vedação adequada.

Segundo a veterinária do CCZ, Draª Eliana Maciel, a participação da população é fundamental para prevenir a doença, uma vez que os principais criadouros do mosquito são encontrados no interior das residências. “É importante que o munícipe vistorie a casa eliminando recipientes que possam acumular água com facilidade, inclusive os locais em que a água da chuva é coletada e armazenada, que verifiquem piscinas, caixas d’água e calhas evitando uso de pratos em vasos de plantas e atenção ao descarte de garrafas e latas”, conclui.

A Semana Estadual é realizada todos os anos antes do início do verão objetivando assim, a eliminação de criadouros (recipientes que acumulam água) evitando desta forma, a infestação dos municípios com o Aedes Aegypti e, conseqüentemente, a transmissão de casos da doença.

Para outras informações ou denúncias de possíveis focos do mosquito ou outras informações, ligar no telefone do CCZ: 4824-3748.