13ª Congresso de História do ABC começa dia 23 de setembro


Criado em 16/09/2015

Evento, que volta a acontecer em Ribeirão Pires, discutirá o tema “História, Diversidade e Identidade: O que nos Une?”

Acontecerá na próxima semana, entre os dias 23 e 26 de setembro, o 13º Congresso de História do Grande ABC que se aprofundará em assuntos diversos que permeiam o tema “História, Diversidade e Identidade: O que nos Une?". A participação da mulher no desenvolvimento da região, migração e integração entre as cidades da região do ABC Paulista estarão contempladas nas discussões. O evento acontecerá em Ribeirão Pires, na sede das Faculdades Integradas de Ribeirão Pires (FIRP/Uniesp) – Avenida Cel. Oliveira Lima, 3.345, Parque Aliança.

Entre os temas propostos durante as reuniões preparatórias ao encontro, a participação da mulher no desenvolvimento da região, migração nordestina e a integração entre as sete cidades foram lembradas. Para poder explorar todos esses itens, houve consenso entre os historiadores, pesquisadores e participantes da sociedade civil em geral para que o Congresso aborde os aspectos culturais de cada município do ABC sob um viés de união.

“O congresso tem uma função pedagógica com a meta de criar e ampliar um exército que tem como objetivo manter o patrimônio e a memória histórica do ABC”, afirmou o secretário adjunto de Cultura e Turismo, Marcílio Duarte.

No início de julho, foi lançado o site oficial do Congresso (www.chgabc.com.br). Ele funciona como biblioteca virtual, no qual estarão disponíveis os materiais de edições deste e de outros congressos realizados. As inscrições podem ser efetuadas pelo site, além de consulta da programação completa e informações úteis sobre a localização e realização do evento.

O conteúdo do site pode ser acessado em multiplataformas, como tablets e smartphones, revelando um dos públicos-alvo do evento: os jovens. Além deles, o evento pretende atrair memorialistas, pesquisadores, estudantes e munícipes da região para participarem das atividades e das mesas de discussão, que incluem: ''Historiografia do Grande ABC'', ''Memória 2.0: Internet, Redes Sociais e Memória Regional'', ''História do uso da Água na Região'', ''Memória e Colecionismo'', ''Atuação dos Conselhos Municipais de Defesa de Patrimônio no ABC'', entre outros.

A programação do evento conta, ainda, com oficina especial sobre a memória patrimonial e histórica de Ribeirão Pires, que sedia pela segunda vez um Congresso de História – a primeira em 2000. Haverá, também, um grupo de discussão dedicado aos 25 anos de articulação do Consórcio na região. A mesa deverá contar com a participação de membros do Grupo de Trabalho História e Memória que discute, de forma integrada, a preservação da história documental da região.

Pesquisadores presentes

Redes sociais e internet também fazem parte dos assuntos que serão discutidos. Para isso, o historiador Renato Dotta mediará mesa de debate onde o objeto estará em pauta. Dotta atuou em Mauá como historiador durante 11 anos. Também lecionou curso de Turismo na ETEC de Ribeirão Pires (entre os anos de 2006 e 2010) e o curso de História na Universidade do Grande ABC entre 2008 e 2012. Desenvolvedor de projetos sobre a história do ABC, atualmente é conselheiro da revista Raízes, publicação da Fundação Pró-Memória de São Caetano do Sul. É o responsável pela sugestão de criação de mesa sobre comunicações, a qual irá mediar.

“Tenho participado de todos os Congressos de História da região desde o de 2002, que aconteceu em Rio Grande da Serra, sobretudo como organizador. Nos últimos anos, com a explosão das redes sociais, a velocidade da troca de informações aumentou exponencialmente, e a História da região não ficou de fora. A facilidade com que se tem baixado fotos, vídeos, compartilhado notícias de jornais e até livros inteiros, tem divulgado enormemente a História e a memória do ABC e das cidades que o compõem. Fotos, "perdidas" em álbuns familiares e que dificilmente seriam expostas em museus ou outros locais, ganham publicidade”, afirmou Dotta.

Outra importante participação nesta edição do Congresso de História do ABC é de Dalila Teles Veras, cofundadora do Grupo Livrespaço de Poesia e diretora proprietária da Livraria, Editora e Espaço Cultural Alpharrabio. Ela participará da abertura do evento, que acontece no dia 23.

“Eu pesquisava a história da literatura no ABC, e continuo a me interessar pelo tema, sobre o qual apresentei uma comunicação no Primeiro Congresso, em 1990 e que, ampliada, foi publicada na Revista Raízes, da Fundação Pró-Memória de São Caetano do Sul. Como minha expressão literária é essencialmente poética, a militância e a pesquisa também representam uma tarefa, uma tarefa da poesia”, declarou Dalila.

Serviço

13º Congresso de História do Grande ABC

Data: 23 a 26 de setembro

Local: Faculdades Integradas de Ribeirão Pires (FIRP/Uniesp)

Av. Cel. Oliveira Lima, 3.345, Parque Aliança (Ribeirão Pires/SP)

Informações: 11 4822-4724